Uma leve brisa de satisfação nos possui por pequenos instantes. É aí que esquecemos aquilo que nos fez parar no passado, por instantes. Já nem sabemos por quem nos apaixonamos, quem foi que nos esqueceu, aquela pessoa que nos ama mas não o assume, que quer estar connosco mas não quer ser vista connosco.

Afinal esquecer não é tão difícil… Mas, em tudo há sempre um mas, só por breves instantes. 
Porquê que não consigo deixar de acreditar naquilo que sei que nunca vai acontecer? Porquê que, e apesar de o quereres, o queres esquecer? A idade dos “porquês” já lá vai mas as dúvidas continuam.
Uma nova paixão, que provavelmente não passara de uma paixão. Ora aqui está a essência da vida.
publicado por jamrj às 18:24